PRODUTOS LÁCTEOS e suas propriedades energéticas

Texto  :  Glendha  Kreutzer

 

PRODUTOS LÁCTEOSQuais são suas propriedades energéticas e gerais?

A Terapia Ayurveda estuda e analisa os alimentos conforme a natureza dos elementos que os regem, logo, a função nutricional e os efeitos causados em nosso organismo ao ingerirmos determinados alimentos, diferem da análise comum e científica da nossa Medicina Tradicional.

Preparamos um texto, à partir de estudos elaborados por profissionais atuantes na Medicina Ayurveda para elucidar um pouco de como funciona a linha nutricional baseada nos três humores (doshas) atuantes nessa terapia.

Os produtos lácteos têm um sabor basicamente doce, uma energia fria e um efeito pós-digestivo doce. Sua ingestão faz com que os doshas Pitta e Vata diminuam e aumentam o dosha Kapha. Quando são ácidos, a sua energia é geralmente quente podendo assim agravar Pitta.

Os lacticínios constrõem os sete tecidos, aumentam particularmente o plasma, gordura e tecido reprodutor. Além disto, acalmam a mente, nervos e emoções, além de sua natureza sáttvica, sendo são bons para a prática de ioga e meditação. Vale aqui ressaltar que a qualidade do leite é imprescendível para que esses efeitos positivos se tornem atuantes em nosso corpo e mente.

Os lacticínios são bons para o emagrecimento, debilidade e convalescência, sobretudo de problemas hemorrágicos, doenças desgastantes ou debilidade sexual. No entanto, eles são também húmidos, pesados e colantes, e aumentam o muco e Ama (toxinas) no organismo , sobretudo se forem consumidos frios. Podem não ser bons para as condições Kapha e podem ser prejudiciais em muitas condições Ama, como a artrite ou a gota.

Uma vez que o tratamento das vacas já não é o que costumava ser, devemos prestar atenção à origem dos produtos lácteos que consumimos. Embora as vacas segreguem naturalmente o seu leite cheio de amor, a seguir ao parto, esta energia pode estar ausente quando os animais são criados e alimentados artificialmente. Estes factores deram aos lacticínios uma má reputação, nos adeptos da comida natural.

DE QUE MANEIRA PODEMOS CONSUMI-LOS?

A maioria dos lacticínios são melhores tomados quentes ou à temperatura ambiente, e se vierem directamente do frigorífico, as suas propriedades promotoras de Ama aumentam consideravelmente. Os produtos lácteos pasteurizados são como os alimentos reaquecidos e possuem mais propriedades tamásicas. Eles devem ser evitados, se possível. Contudo, o leite pasteurizado pode ser transformado em iogurte (embora não produza o melhor iogurte a este nível, ainda é aceitável). O leite é melhor consumido quente, depois de ter fervido durante um minuto e arrefecido levemente.

Os lacticínios são neutralizados pelas especiarias que reduzem o muco e a humidade. Estas especiarias incluem, para o leite, o gengibre, o cardamomo e a canela; para o queijo e iogurte, a mostarda, os cominhos e a pimenta Caiena.

QUAIS AS COMBINAÇÕES MAIS INDICADAS?

A maioria dos lacticínios não se combinam bem com outros alimentos. Eles também não se associam bem com sal. O leite é incompatível com a carne, peixe, pães levedados (que provocam a sua fermentação), frutos ácidos (que o fazem coalhar), nozes em geral, pickles e legumes verdes. Eles combinam-se bem com cereais integrais e com açúcares brutos.

O iogurte também não se combina bem com frutos ácidos, nozes, carne ou peixe. Normalmente, os produtos lácteos ácidos, como o iogurte, o kéfir e o soro de leite coalhado, devem ser menos consumidos durante o verão devido à sua natureza quente. O queijo não deve ser consumido frequentemente ou durante o Inverno e Primavera, onde pode agravar Kapha.

Os lacticínios em geral devem ser menos consumidos nos momentos e estações Kapha. 

Alguns exemplos de produtos lácteos bastante consumidos:

Sorvete – O gelado é doce, frio e com um efeito pós-digestivo doce. Ele Diminui Pitta mas aumenta Kapha e Ama. A sua natureza fria pode também agravar Vata. Ele enfraquece o fogo digestivo, obstrui os canais e promove a formação de Ama. Danifica o baço e pâncreas e desequilibra o metabolismo do açúcar e da água. Ele pode causar hipoglicemia, diabetes ou tumores, assim como um excesso do sabor doce ou de produtos lácteos em geral, mas de uma forma concentrada.

O iogurte gelado é ainda um pouco melhor que o gelado de nata, mas provoca muitos dos mesmos problemas sendo frio, pesado e doce. Geralmente, quanto menos açúcar o melhor. O gelado é melhor no Verão e não deve ser consumido no Inverno ou Primavera (estação Kapha).

Ghee –  é doce, frio e com um efeito pós-digestivo doce. Diminui Pitta e Vata, e aumenta apenas moderadamente Kapha. O ghee é tónico, emoliente, rejuvenescedor e anti-ácido. Ele é nutritivo, engorda e aumenta a medula, sémen e Ojas. O ghee aumenta a inteligência, aumenta o poder de visão e também melhora a voz. Ele fortifica o fígado, rins e cérebro. É o melhor tipo de gordura para o corpo e o melhor óleo para Pitta e para o fígado. Ele ajuda a equilibrar todos os Agnis ou fogos digestivos do corpo. O ghee é um bom óleo para cozinhar e não queima como a manteiga.

Iogurte – o iogurte tem um sabor doce e ácido, tem uma energia levemente quente e um efeito pós-digestivo doce. Quanto mais ácido for, maior é a sua natureza quente e ácida.

O iogurte é nutritivo, estimulante e adstringente. Em pequena quantidade ajuda na digestão dos outros alimentos, restabelece a flora positiva no corpo e pode ser bom em caso de diarréia. O iogurte é pesado e em excesso pode causar constipação ou obstruir os canais. Por este motivo, é preferível consumi-lo com especiarias e em pouca quantidade de cada vez (uma porção normal é meio-copo). Geralmente é preferível misturar o iogurte com partes iguais de água e um pouco de gengibre fresco, isto neutraliza as suas propriedades obstrutivas. Ele pode promover geralmente o peso e a gordura, mas os iogurtes com baixo teor gordo têm este efeito reduzido. O iogurte pode agravar as condições de sangue tóxico, como acne ou erupções cutâneas. O soro do iogurte é particularmente nutritivo e bom para a anorexia, fraqueza, emagrecimento ou má absorção.

Leite – ele é doce, frio e com um efeito pós-digestivo doce. É pesado, nutritivo e é um dos laticínios mais típicos. Diminui Pitta e Vata, e aumenta Kapha. É o produto lácteo mais utilizado e pode geralmente ser consumido em maiores quantidades que todos os outros. No entanto, é bastante húmido e pode diminuir o fogo digestivo.

O leite é tónico, rejuvenescedor, nutritivo, afrodisíaco, calmante e laxativo. Ele é particularmente nutritivo para o plasma e para a pele e, através deles, todos os outros tecidos, sobretudo o reprodutor. É um bom tónico para os pulmões e estômago e para problemas hemorrágicos nestes locais. É bom também para a tosse e garganta seca, febre e sede. 

Leite pasteurizado – o leite, no entanto, contém os resíduos dos fertilizantes químicos, antibióticos e outras substâncias tóxicas ministradas ao gado ou com as quais foram alimentados. Deste modo, se o leite não for fresco ou biológico, pode ter muitos efeitos secundários. Muitas pessoas desenvolvem uma alergia ao leite, parcialmente por este motivo mas também pela sua natureza pesada. As pessoas que não vêm de uma família ou cultura onde se bebe leite ou se consome diariamente produtos lácteos podem não ter enzimas para digeri-lo corretamente.

Manteiga –  é doce, fria e tem um efeito pós-digestivo doce. Diminui Pitta e Vata mas aumenta Kapha. Ela é geralmente utilizada como veículo para tomar as medicações que reduzem Pitta. É nutritiva, fortificante, estabilizante e constitui um bom alimento para a debilidade e convalescência. Ela é pesada, engorda e pode obstruir e aumentar o colesterol. Ela é frequentemente corada artificialmente. Ao adicionarmos sal aumentamos a sua natureza pesada e obstrutiva.

Natas – elas são como o leite, mas mais pesadas e ricas. Por consequência, são mais formadoras de muco e difíceis a digerir. Devemos ter cuidado para não as consumirmos em grandes quantidades ou associá-las a alimentos pesados. As natas ácidas são doces e ácidas, levemente quentes e com um efeito pósdigestivo ácido. Diminuem Vata mas aumentam Pitta e Kapha. Elas são estimulantes e nutritivas mas em excesso podem causar acidez.

Queijo – o queijo é doce, frio e com um efeito pós-digestivo doce. Diminui Vata e Pitta mas aumenta Kapha, promove fortemente o muco e provoca congestão. Quanto mais salgado, mais tende a agravar Pitta. O queijo tem uma natureza muito pesada e pode obstruir os canais. É nutritivo e adstringente. Ele pára a diarreia, pode causar prisão de ventre e pára as hemorragias.

O queijo coalhado é doce, frio e com um efeito pós-digestivo doce. Diminui Pitta e Vata e aumenta Kapha. Não é geralmente tão difícil a digerir.

Algumas importantes considerações finais

Não existem definições “corretas” ou “errôneas” sobre quaisquer assuntos. Existem pontos de vista, opiniões, conceitos adquiridos através de nossa cultura, educação e mesmo por opção. Portanto, o assunto aqui tratado já causou e ainda causa tanta polêmica nesses últimos tempos que acho importante relembrá-los que esse texto não pretende defender nem atacar outras visões, e sim trazer uma nova abordagem quanto aos alimentos que consumimos em nosso dia-a-dia.

Que possamos dividir tais conhecimentos afim de nos conhecer cada vez mais, conhecer nossos corpos e suas reações, nossa mente e seus padrões, e assim aprofundarmos em nosso ser de tal maneira que possamos encontrar nossa verdadeira essência.

Um abraço cheio de luz à todos!

Fonte de estudo: Apostila de estudo da ESCOLA YOGA BRAHMAVIDYALAYA

Anúncios

3 thoughts on “PRODUTOS LÁCTEOS e suas propriedades energéticas

    • Glendha

      Olá Roberto, tudo bem?

      Dos conhecimentos fisiológicos que possuo, posso afirmar que o leite é constituído de gordura, proteína, vitaminas, sais minerais e carboidratos, e cada um desses componentes possui um local e tempo diferentes de digestão, ou seja, esse processo se inicia no estômago através da liberação de algumas enzimas digestivas responsáveis pela quebra das proteínas e finaliza-se no intestino delgado onde através da lactase, o açúcar proveniente do leite pode ser digerido e absorvido.

      A digestão do leite hoje é um assunto muito discutido por conta da qualidade do mesmo que temos ingerido. O leite proveniente de uma vaca criada em cativeiro, recebendo doses altas de hormônios e outras drogas, é contaminado assim por essas substâncias, as mesmas que chegam até nós e quando consumidos através dos leites de caixinha, dificultam nossa digestão.

      Para um aprofundamento, podes acessar sites que tratem da Nutrição Funcional ou mesmo blogs criados por pessoas que sofrem de intolerância à lactose e estão constantemente pesquisando sobre o assunto.

      Espero tê-lo ajudado de alguma maneira,
      abraços fraternos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s